17 janeiro 2006

O Nome de Deus na Bíblia

Quando Jesus nasceu, foi-lhe dado um nome. Antes disso, não se encontra na Bíblia nenhum lugar onde se dê um nome a Deus. Mesmo quando Moisés perguntou a Deus qual era o Seu Nome, Deus não lhe disse qual o Seu Nome. Mas usou de expressão em lugar do nome.
Para o Povo de Deus o nome não era apenas uma palavra externa com a qual chamamos alguém. O nome possuía um conteúdo interior. Deveria significar aquilo mesmo que a pessoa era no íntimo de seu ser. Daí a dificuldade de se chamar Deus por um nome. Quem poderia penetrar o íntimo divino?

Na Bíblia encontramos certas expressões que designavam a Pessoa Divina. Eis as mais conhecidas:
Elôhim: é o plural de "El". O SENHOR.
ADONAI: quer dizer MEU SENHOR ou MEU DEUS.
ELYON: significa a parte mais alta de um lugar. É usada para dizer O DEUS ALTÍSSIMO.
SADDAI: palavra que significa O TODO PODEROSO.
JAVÉ: (Jaheweh) quer dizer: EU SOU AQUELE QUE SOU.
Jeová: é uma tradução errada de "Yahweh".Os judeus tinham excesso de respeito com o nome de Deus. O segundo mandamento do Decálogo (10 mandamentos) não permitia que se pronunciasse o nome de Deus em vão. Então por medo de usar indevidamente um nome tão sagrado, os judeus passaram a escrever "Javé" somente com as quatro consoantes, sem as vogais. Então ficou YHWH. Mais tarde, colocaram as vogais da palavra Adonai e surgiu " Yehowah" ( Jeová ) em lugar de Yaheweh ( Javé ). Quer dizer DEUS.

Mas, acima de tudo, o Catequista, é-o sempre em nome de Deus e enviado pela Comunidade...

6 comentários:

marta disse...

Bem a prop?sito... Curioso como ainda no in?cio desta semana eu e uma colega naveg?vamos numa p?gina relacionada com o Juda?smo, onde era abordada esta 'problem?tica' do nome de Deus(http://www.jewfaq.org/name.htm).
Cheg?mos ? (feliz) conclus?o de que Deus ? Amor, e esse nome nos basta!
Ah!, ? verdade: obrigada pelo regresso :-)

marta disse...

PS: "Os judeus tinham excesso de respeito com o nome de Deus." - excesso de respeito? N?o entendo...

Anónimo disse...

Falta o mais bonito: ABBÁ, Pai (pelo menos nos lábios e no coração de Jesus).

ELIANE ROCHA disse...

JESUS EM SUA CARREIRA NA TERRA SEMPRE AFIRMOU SER O FILHO DE DEUS, E SE TINHA UM PAI NATURALMENTE ESTE TEM NOME E NÃO BASTA QUALQUER ADIJETIVO DEUS TEM NOME PROPRIO. MAS SEI POR QUE MOTIVO O NEGAM PELO MESMO MOTIVO QUE DIZEM QUE MARIA ERA SANTA E NÃO UMA MULHER EXTRAORDINARIO QUE ACEITOU E CUMPRIU UMA MARAVILHOSA MISSÃO.É PARA INDEUSAREM ELA E VENDER REPLICAS DE BARRO.

Anónimo disse...

Na oração do Pai Nosso,Jesus pede para santificar o nome de seu Pai que está no céu,portanto isso conclui que Jesus não é Deus.E ao ser batizado,veio uma vóz do céu dizendo:"Este é meu filho amado...Então como Jesus falaria isso pra ele mesmo? Deus quer que conheçamos ele por nome que é Jeová(Ele causa o que venha a ser),ou seja,tudo o que Ele promete,Ele cumpre.Leia Salmos 83:18 ou o final de 82 que diz:Para que as pessoas saibam que tu,cujo nome é Jeová,somente tu és o altíssimo sobre a terra. obs:Senhor ou Deus não é nome.

fr@n disse...

"Senhor" é apenas um título, como "Presidente" ou "Professor". Se Jesus nos ordenou a orar pela santificação do nome de Deus, isso quer dizer que ele tem um nome e o Salmo 83:18 citava claramente o tetagrama que correspondia ao nome de Deus só que traduções posteriores substituíram esta expressão por "Senhor"